Com talento nas mãos e música no coração, Scorsi entra para o cast da Artist Factory

Scorsi

Entregue aos prazeres da vida, mas com seus objetivos bem delimitados, há poucas coisas no mundo que um taurino não consiga alcançar, devido à sua força e paciência para encarar cada passo até o topo. É desta fonte que bebe o novo EP de Scorsi, cuja capa mostra um touro transitando para um novo portal, traduzindo perfeitamente o momento pelo qual o artista passa em sua carreira atualmente.

O portal em questão guiou Scorsi para uma oportunidade de ouro: o lançamento de um EP pela Spinnin’ Records, selo mundialmente consagrado por estar na linha de frente da cultura dance atual, impulsionando talentos e gerando para eles autoridade duradoura. O mentor desta jornada é Alok, artista que alcançou patamares inéditos na música eletrônica no Brasil e no mundo e agora dedica boa parte do seu tempo apoiando uma nova geração de jovens produtores, tal como Scorsi neste EP, “Alok presents Scorsi”.

 

“Sobre a história deste EP, foi tudo muito rápido. Comecei fazendo remixes para ‘Love Is a Temple’ e ‘Hear Me Now’, do Alok, e meses depois, ao acordar, vejo as partes de ‘Big Jet Plane’ e um contrato de EP no meu inbox com a Spinnin’ aprovando a nossa ideia.”
— Scorsi

 

Scorsi

 

O EP estabeleceu Scorsi como o primeiro produtor brasileiro a emplacar um EP no selo holandês. Isto foi apenas o começo de um mês de fevereiro muito prolífico que resultou na entrada oficial de Scorsi no time da Artist Factory, firmando de vez a relação duradoura que a agência propõe-se a nutrir com os artistas que acredita, como já fez com Liu, Shapeless, Doozie, Selva e muitos outros.

O caminho que Scorsi trilha no momento, entretanto, não veio sem explicações e sem trabalho árduo. Para chegar ao sucesso de agora, Scorsi protagonizou diversas conquistas satisfatórias. Ligado à música desde muito cedo — antes de se introduzir na música eletrônica, estudou guitarra, bateria e fez parte de bandas desde sua adolescência — Scorsi já remixou para a Universal Music o hit “Living On The Outside”, de Bruno Martini, obteve apoio de grandes nomes como Joachim Garraud e Dyro com a faixa “Like This”, alcançou um hit via Sony Music com o single e o clipe de cinegrafia one-take “So Simple” e estreou na Spinnin’ no início deste ano com o remix para “Make Me Wanna”, de Selva e Zerky.

 

“As faixas são resultado do meu aprendizado e dos meus momentos sozinho ali no estúdio por quase 14 horas diárias, faixas onde eu coloquei a alma, suor e muito café, claro! Eu considero um EP bem verdadeiro e que mostra bem o que passa na minha cabeça musicalmente… uma bagunça, mas bem-feita e de coração!”
— Scorsi

 

Scorsi

 

A dinâmica do som de Scorsi deve-se, portanto, à sua versatilidade dentro da música, com influências que vão desde Skrillex a Metallica, e as consequências disso são narrativas musicais que lembram o trabalho de  nomes influentes que não se prendem a um estilo só dentro do vasto universo EDM e preferem explorar tendências e sonoridades em suas mais diferentes camadas, como KSHMR, Zedd e GTA. Em “Alok presents Scorsi”, esta narrativa caminha facilmente entre as 110 e 150 batidas por minuto sem que se sinta impessoalidade aos traços de Scorsi.

 

Alok presents Scorsi

 

Contendo quatro faixas no total, neste EP Scorsi conecta seu lado melódico com o som de movimentos atuais diversos como o bass house, o big room e o future bass, aproveitando com sabedoria e energia a oportunidade de apresentar tanto seu lado autoral nas vivazes e brilhantes faixas “Crossover” e “Tumbah” quanto sua visão musical como remixer em “Big Jet Plane” e “Love Is a Temple”, ambas de Alok.

Seja bem-vindo, Scorsi!

O EP “Alok presents Scorsi” está disponível em todas as lojas digitais.
Scorsi está no Instagram, Twitter, Facebook e Soundcloud.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *